• Jorge Mota

Mercedes AMG GLA45 & 45S 2020





A Mercedes vai apresentar no Salão Automóvel de Genebra, que abre portas já na próxima semana, os novos Mercedes-AMG GLA 45 e 45 S, que também recebem o bloco de quatro cilindros mais potente do mundo - identificado com o nome de código M 139 - que já conhecemos dos novos A45 e CLA 45.


Este bloco, com 2.0 litros de capacidade, turbocomprimido, apresenta-se com 387 cv de potência na versão 45 e com 421 cv de potência na variante 45 S, sendo que nesta configuração conta com 210 cv de potência por cada litro de capacidade, registo que faz dele o motor de quatro cilindros de produção mais potente de sempre..


Com um comportamento muito semelhante ao de um motor atmosférico, fruto da afinação adoptada pelos engenheiros da "casa" de Affalterbach, este bloco surge associado a uma caixa automática de dupla embraiagem de oito velocidades AMG Speedshift com função "launch control", para acelerações dos 0 aos 100 km/h em apenas 4,3 segundos (GLA 45 cumpre o mesmo exercício em 4,4s). Quanto à velocidade máxima, está limitada aos 270 km/h no GLA 45 S e aos tradicionais 250 km/h na versão GLA 45.


A potência é enviada às quatro rodas através do sistema AMG Performance 4MATIC+, que trabalha em conjunto com o sistema AMG Torque Control, que distribui a força de forma variável a cada uma das rodas do eixo traseiro. Esta funcionalidade permite uma enorme aderência lateral em curva e uma enorme eficácia de comportamento.



Para lidar com toda esta potência e com a força a que será sujeito, a Mercedes aumentou em muito a rigidez estrutural deste GLA 45, quer através de reforços na suspensão quer através de uma placa de alumínio aparafusada por baixo do motor. Assim, a marca germânica espera reduzir os movimentos longitudinais e claro, diminuir o rolamento lateral da carroçaria, ou não estivéssemos nós a falar de um pequeno crossover.


Quanto à suspensão, importa dizer que esta versão conta de série com o AMG Ride Control, um sistema adaptativo com três modos distintos, do mais confortável ao mais desportivo, para quando queremos desfrutar de todo o potencial dinâmico deste modelo.



Também disponível de série no GLA 45 S é o sistema AMG Dynamic Select, com seis modos de condução à escolha: Slippery, Comfort, Sport, Sport+, Individual e RACE. Este último é num opcional no GLA 45, mas é obrigatório para quem quer tirar todo o proveito do bloco 2.0 de quatro cilindros em linha.


A "nota" de escape (há dois modos: Balanced e Powerful) do GLA 45 não vai deixar que este modelo passa despercebido em lado nenhum, mas se isso falhar, tem sempre a imagem radical para impressionar quem para ele olhar. Há muitos detalhes que afastam estas versões (GLA 45 e 45 S) das restantes do GLA, e isso começa logo na dianteira, marcada pela tradicional grelha panamericana da AMG (com barras verticais), pelos pára-choques mais agressivos e com apoios aerodinâmicos laterais e claro, com jantes de até 21 polegadas (opcionais no GLA 45 S).


Na traseira destacam-se as quatro enormes saídas de escape (82 mm de diâmetro no GLA 45 e 90 mm no 45 S), o difusor de ar mais agressivo e a enorme asa traseira. O resultado é uma proposta mais agressiva e muito mais musculada, características que combinam na perfeição com o motor potente e com as performances deste modelo. No interior, o mesmo tratamento especial que encontramos fora. A cor preta predomina, mas é acentuada com elementos em amarelo na versão 45 S e com detalhes em vermelho na variante 45.


Encontramos ainda vários apontamentos em fibra de carbono e em Alcantara, bem como um volante com costuras em cor contrastante, base cromada e um marcador colorido às 12 horas. Isto já para não falar dos habituais comandos redondos, que permitem seleccionar os modos de condução, desactivar o sistema de controlo de tracção e alterar a afinação do sistema de escape.




Quanto ao sistema MBUX, já conhecido dos modelos mais recentes da marca de Estugarda, conta com funcionalidades específicas da AMG, tais como o sistema Track Pace, disponível de série no GLA 45 S, e que oferece um sistema de telemetria que analisa até 80 parâmetros específicos, desde que estejamos num circuito.


A Mercedes-AMG ainda não revelou a data de comercialização deste modelo nem os preços para o mercado nacional. Certo, para já, é que a primeira aparição pública está marcada para a próxima semana, no Salão Automóvel de Genebra, na Suíça.



39 visualizações1 comentário

Bem vindos! | JM Reviews

Vamos fazer a cobertura de apresentações, eventos, Test Drives. Vamos passar experiências diferentes para vos dar a conhecer o melhor de cada modelo em particular!

  • Facebook JM Reviews
  • Instagram JM Reviews
  • Grey YouTube Icon

© 2018 by JM Reviews

Criado por Mercado Digital

  • Facebook JM Reviews
  • Instagram JM Reviews
  • Youtube JM Reviews